Crítica: Luke Cage 2ª Temporada | Série encontra um novo clima mostrando que existe mais de um lado nessa luta

Confira a nossa crítica de mais uma temporada do nosso Herói de Aluguel!...

A segunda temporada de Luke Cage já estreou na Netflix, e mesmo com uma temporada anterior tendo alguns momentos bons e outros nem tanto. E agora com a segunda temporada parece que a série encontra um novo rumo.

Essa segunda temporada continua mostrando o combate do Harlem, mas diferente da temporada anterior, vemos muito mais que isso. Essa temporada mostra que nem tudo é tão fácil como certo e errado e isso traz um grande debate para a série.

Bushmaster, o “vilão” da temporada traz essa questão mostrando o que pode ser realmente certo. E inclusive ele entra para a lista de melhores vilões da Marvel, sendo incrivelmente trabalhado e também com uma ótima atuação.

Entretanto a série não sabe equilibrar um bom trabalho entre todos os personagens, e durante a temporada podemos ver que alguns poderiam ser facilmente descartados.

Misty teve uma ótima evolução como personagem, e também é possível ver que ela recebe mais destaque nessa temporada. Além disso Luke Cage recebe um desenvolvimento melhor nessa temporada, onde vemos ele se questionando sobre o que é certo a se fazer. Com o passar dos episódios ele muda com os acontecimentos e isso traz um ar diferente para a trama.

O enredo da temporada acaba pecando em alguns momentos, pois não sabe equilibrar alguns momentos de tensão com ação. Ela também acaba ficando muito lenta em algum momento e acaba escorregando ao apresentar a trama.

Vale ressaltar que a participação do Punho de Ferro mesmo sendo em um episódio, é boa e pode indicar que poderemos ver os heróis de aluguel no futuro (ou não).

As cenas de luta mais uma vez são algo mais do gueto e que mostra um combate mais carnal. Infelizmente em poucos momentos as lutas realmente emocionam, mas elas servem para o seu propósito.

Categorias
CriticasDestaqueLuke CageNetflixSéries | Criticas

Nerd, Otaku, Gamer, Zueiro e tudo que há de bom! O criador do projeto Nerd Zoom, tentando levar os Nerds aonde nenhum fã jamais foi...

RELACIONADOS