A série Krypton está prestes a estrear, e o ator Cameron Cuffe, que viverá Seg-El (Avô do Superman), falou a repórteres durante uma recente visita ao set de Krypton em Belfast, que a série tenta garantir que os fãs se afastem das expectativas geradas pelo Superman e se apaixonem pelos personagens da série.

“Ninguém está colocando uma máscara e saindo e lutando pela verdade, justiça e o caminho kandoriano”. “É muito mais terreno e com apostas pessoais. Não há o monstro da semana … Ninguém vê lá os pais sendo assassinados e pensa: ‘Eu devo me tornar o símbolo da noite.’ Não é nada disso, são pessoas que são jogadas em uma situação que está profundamente sobre suas cabeças, e como toda grande ficção científica, não é sobre alienígenas, monstros, robôs ou tecnologia, é sempre sobre as pessoas. Acho que temos um foco muito forte nisso. “

Os roteiros têm uma “enorme quantidade de humor”, que quando usado corretamente, pode ser eficaz para compensar o tom da série, disse Cuffe.

Cuffe ainda disse que seu personagem não é o Superman, mas mesmo assim ele tem que se levantar e ser um herói semana após semana. E que diferente do verdadeiro Superman, esse herói da série surge de forma natural. Cameron Cuffe teve que se concentrar em fazer o seu personagem, independente do legado criado pelo Superman.

“As coisas em que eu me concentrei foram, na verdade, como diferenciá-lo”, admitiu Cuffe. “Há tantas grandes interpretações do Superman; eu quase chego a dizer que não acho que eu tenha visto um desempenho ruim do Superman na tela. Eles tiveram muita sorte. Você sabe Chris Reeve, obviamente, eu acho que esse foi o desempenho mais imortal para muitos de nós, e acho que Henry Cavill foi um grande Super-Homem. Mas o que me apego é o sentimento de esperança,  força de vontade e o desejo de nunca desistir”.

Nos Estados Unidos, Krypton estreia hoje, dia 21 de março no canal SYFY.