Uma rodada relativamente pequena de demissões atingiu os estúdios de cinema da Disney e da Fox nesta quarta-feira (19/06), enquanto as companhias, agora unidas, continuavam a consolidar suas operações.

É a terceira vez em que houve uma série de desligamentos desde que a Disney concluiu sua aquisição de boa parte do império de mídia e entretenimento da 21st Century Fox, no valor de 71,3 bilhões de dólares.

A Disney se recusou a comentar sobre as últimas demissões. Esta rodada envolveu menos funcionários do que as duas primeiras, que atingiram cerca de 38 e 100 pessoas, respectivamente, disse uma fonte ao site The Hollywood Reporter.

Várias divisões nos estúdios de cinema estão sendo impactadas para reduzir o excesso de mão-de-obra, segundo fontes.

Espera-se que as demissões continuem nos próximos meses. A Disney disse antes do fechamento da fusão que estava planejando economizar US$ 2 bilhões em custos anuais até 2021, e os observadores presumiram que grande parte disso viria por meio de demissões.

 

Fonte: Hollywood Reporter