Introdução

Ousadia, mistério e visual fora do comum foi o que deixou muitos fãs extremamente empolgados com a primeira série totalmente produzida pela Marvel Studios, WandaVision com certeza trouxe um ar de novidade para esse universo tão popular, contando uma história em um formato diferente e apostando em escolhas distintas de todas as suas produções anteriores, afinal, trazer um mistério em uma realidade tão interessante e explorar questões tão psicológicas da heroína Feiticeira Escarlate parecia algo realmente empolgante, porém, com o fim da série, creio que muitos fãs (assim como eu) ficaram desanimados com o desfecho final, aonde uma série que apostava em um estilo novo, um estudo sobre a mente de personagens, mistérios e enigmas cativantes terminou como todos os outros filmes do MCU, um final com lutas, explosões, vilã genérica e revelações nada impactantes, sendo assim usando o roteiro da série como base, decidi reimaginá-la, trazendo uma nova perspectiva a produção e desfechos aos quais eu acho que se encaixariam de forma muito mais satisfatória na proposta de WandaVision, obviamente esse texto terá foco principalmente nas partes que diferem da trama original e não em suas similaridades, espero que vocês gostem.

WandaVision

A série deveria ter um início extremamente parecido com a versão original, Wanda e Visão chegariam em uma pequena e pacata cidade do interior, querendo estabelecer uma vida comum e criar uma família, mantendo os estilos visuais das séries antigas, isso serviria para sintonizar o público aos personagens e a essa nova realidade em que a história se passa, porém a série deveria trazer um foco maior em Wanda e explorar seu ponto de vista, assim, poderíamos entender o que a personagem está sentindo e como ela lida com as situações “diferentes” que acontecem na série, mas até o momento a personagem sabe que mesmo não tendo certeza de aonde ela está, ela está feliz naquele mundo, porém assim como na série original, interferências do mundo exterior começam a acontecer na cidade alterada por esse poder misterioso, as interferências ocorrem de formas pequenas no início, como alguém desligar a televisão em que o programa está passando, ou até mesmo um rádio que tente se comunicar com Wanda na nova realidade, mas todas essas interferências e mistérios se encaminharão para uma pergunta “quem está fazendo isso?”.

Ao sermos apresentados ao núcleo de personagens da E.S.P.A.D.A, finalmente entendemos a gravidade do problema e acompanhamos as tentativas de acabar com o domo que está alterando a realidade nessa cidade, ao descobrirem que Wanda e Visão estão dentro da anomalia a pergunta sobre “quem está fazendo isso?” atinge a equipe, mas lembrando das boas ações e histórico heróico da personagem, a pergunta rapidamente passa a ser “quem está fazendo isso com ela?”. De volta a trama envolvendo o domo, conhecemos mais sobre Wanda e como sua família e seu passado foram importantes para ela, vendo essas lembranças em momentos extremamente propícios que estão associados ao que está acontecendo na série, essas lembranças do passado usariam o recurso de flashbacks, e poderiam estar presentes ao longo de toda a série, mas deixando pequenas pistas sobre um passado mais obscuro de Wanda e que serviria para assuntos futuros na trama, a direção precisaria criar um “clima” diferente que levasse o espectador perguntar “quem está fazendo isso com Wanda?”.

O “clima” diferente precisaria ser desenvolvido ao longo de todos os episódios, como se Wanda e o espectador sentissem que a cada episódio as coisas estivessem ficando mais sombrias e o mistério mais intenso, uma presença que poderia trazer um pouco dessa aura para série seria Agnes, uma moradora da cidade que diferente da série original poderia não ser tão próxima de Wanda, mas quando aparecesse deveria causar umas estranheza fora do comum, podendo dar a impressão de que ela poderia ser a vilã por trás disso tudo, com o decorrer da série, Visão assume o mesmo papel da série original, ele se pergunta que lugar é esse e o que está causando isso, mas diferente de Wanda ele possui um perfil mais exploratório, Visão sente que há algo errado e como herói também sente que precisa resolver esse problema, Wanda reconhece o problema, mas como gosta de sua vida com Visão, passa a ignorar tudo que não parece certo na realidade; as interferências no da E.S.P.A.D.A no domo se tornam mais frequentes, Visão começa a abrir mais eus olhos, mesmo com suas tentativas de ignorar o problema, a angústia de Wanda começa a aumentar e tudo se torna mais instável e preocupante, culminando em uma discussão bem séria entre o casal, a briga dos dois obviamente é sobre a realidade em que estão e sobre todos os seus dilemas, porém, a briga parece que chamou a atenção de quem está por trás disso tudo, algo que parece trazer mais calor e incertezas para o casal discutindo no domo, se mostra ainda mais grave para seu exterior, nós vemos que o domo que estava alertando a realidade e que preocupava os agentes, assume uma forma mais bizarra, ele começa a se tornar mais instável, começando um processo relativamente rápido de expansão e que não ameaça parar, colocando em risco o mundo todo de ser engolido por essa realidade, tornando a ameaça altíssima e muito mais séria.

As tentativas da E.S.P.A.D.A de impedir a anomalia se tornam mais desesperadas, e a briga do casal não termina bem, fazendo com que os dois se afastem, porém com esse afastamento dos dois e todos esses acontecimentos, tudo no domo está se tornando mais estranho e anomalias mais caóticas vão surgindo, Visão estaria procurando respostas enquanto Wanda se lamentaria sobre o que está acontecendo e ficaria lembrando dos momentos de sua infância junto com sua família, até que a estranha moradora de cidade Agnes vai até Wanda, e conta a ela sua verdadeira identidade, Agnes na verdade é Ágatha Harkness, uma feiticeira muito poderosa que sentiu a quantidade absurda de poder emanando do domo, isso fez com que ela fosse até lá para investigar, mas ao adentra-lo se fundiu com sua realidade, se modificado e assumindo um papel nele, porém após o pico de instabilidade sua consciência havia sido recobrado e assim teria ido até Wanda, ela continua dizendo que o que está acontecendo pode não só condenar o mundo, mas também está envenenando diferentes planos da realidade, e isso precisa ser impedido, através de poderes mágicos, Ágatha acredita que Wanda sabe quem causou tudo isso, mas há um bloqueio mental em sua mente a impedindo de lembrar do que aconteceu, então ela propõe a Wanda que façam um feitiço e busquem a verdade, Wanda reluta, mas ao lembrar sobre o que Visão lhe disse, ela aceita e as duas embarcam em uma viagem pela mente de Wanda.

No ápice da série, enquanto E.S.P.A.D.A está quase conseguindo entrar no domo devido a sua constante instabilidade que está afetando o mundo, Visão está conflito com sua própria existência enfrentando o Visão Branco, uma versão desumanizada feita pelo governo para impedir a anomalia, Wanda e Ágatha estariam fazendo essa jornada em seu subconsciente, algo muito parecido com o penúltimo episódio da série, Wanda se mostra desconfortável e para conquistar sua confiança, Ágatha mostra seu passado a centenas de anos atrás, aonde foi acusada de bruxaria e quase morta pela mãe, ela também lhe mostra a gravidade do problema que está afetando diferentes planos de existência, contando a Wanda sobre o multiverso, ao conhecer sua história Wanda entende que as intenções de Ágatha não são malignas e as duas partem para a jornada em sua mente, lá nos vemos lembranças muito similares a série original, mas de forma regressa, Ágatha acredita que de alguma forma a verdade está conectada com as lembranças de Wanda, então elas parte de lembranças mais recentes a lembranças mais antigas, vemos seu amor por Visão, como havia se tornado tão poderosa ao tocar na joia da mente e a morte de seus pais, Wanda se emociona com todas as lembranças, mas Ágatha sente que não vimos tudo, que o mais importante ainda não foi mostrado, então a bruxa reúne muitos esforços mágicos para descobrir a verdade.

Ao vascular a mente de Wanda, seríamos atingidos por um verdadeiro turbilhão de verdades que estariam ligados com os flashbacks vistos ao longo de toda a série, já na primeira e mais obscura lembrança da vida de Wanda, é revelado que ela e Pietro na verdade haviam sido adotados pelos Maximoffs, ao vasculhar a identidade de seus vendeiros país vemos a imagem do icônico elmo do mutante Magneto, assim revelando que os poderes de Wanda são de origem mutante e os introduzindo no MCU, na próxima e última memória, descobrimos que Wanda havia feito o domo e colocado todos nessa situação terrível, mostrando que Wanda foi a vilã da história desde o começo e que a instabilidade no domo estava ocorrendo pois Wanda estava perdendo o controle de seus poderes, com isso Ágatha descobre que Wanda é na verdade a Feiticeira Escarlate, a mulher que está destinada a trazer o fim do mundo, então vemos uma visão do futuro, aonde a Feiticeira Escarlate está caminhando em destroços, junto a heróis que caíram tentando impedi-la, as revelações atingem o emocional de Wanda de forma muito potente, ela fica desolada por ter recriado o Visão, desolada estar torturando pessoas boas a dias, fica desolada por descobrir que aquela não era sua família verdadeira e desolada por ter tanto poder que poderá trazer o fim do mundo, então, ela desaba, Wanda começa chorar e ao dar um grande grito cria uma grande explosão jogando Ágatha para muito longe, sua tiara, capa e roupas vermelhas começam a surgir e a Feiticeira Escarlate se revela.

Visão consegue derrotar sua contraparte pálida usando de metáforas filosóficas e antes que a E.S.P.A.D.A consiga entrar no domo ele é rapidamente modificado, antes o que eram barreiras se tornam redemoinhos gigantescos de pura energia vermelha como sangue, todos sabem que a anomalia atingiu seu auge e está prestes a destroçar a realidade, Visão se junta com os agentes e com seus equipamentos mostram o centro da anomalia, eles veem Wanda, percebendo que ela era a causadora de tudo desde o começo, porém a destruição da anomalia é muito grande e ninguém consegue entrar, então Visão voa até lá e é quase despedaçado até chegar a Wanda, ele a segura, Visão percebe que ela está chorando e seu poder descontrolado está quase o matando, Visão tenta iniciar um diálogo, Wanda no meio do choro conta a ele todas as coisas ruins que fez e que está destinada a fazer, então ela pede perdão a ele, Visão que está se esfacelando, tenta conter Wanda, lembrando-a do que realmente é importante, de seu amor, de sua família e dos bons atos que fez tentando ser uma heroína, dizendo, que por mais que ela tenha errado, ela é a única pessoa que pode parar o desastre, então, Visão diz que a ama e deixa de existir, Wanda perde seu amor mais uma vez e a tempestade rubra perde o controle, ela passa a crescer e começa a atingir os agentes da E.S.P.A.D.A, Wanda então pensa nas últimas palavras de Visão e percebe que precisa fazer algo, ela lembra de todas as coisas boas e os momentos mais importantes de sua vida, percebendo que precisa ser uma heroína mais uma vez, ela se concentra e começa a tentar controlar seus poderes, mas percebe que isso é quase impossível, mas seu esforço para impedir a destruição é implacável e nada poderá deter a Feiticeira Escarlate, em um último esforço ela consegue parar a destruição e concertar a realidade, mas o poder é tamanho que Wanda não consegue controlá-lo por tanto tempo, restando apenas o sacrifício, então em um esforço tremendo recheado de gritos e de luta, uma espécie de implosão atinge Wanda e ela se vai.

Após o fim, tudo voltou ao normal como se nada tivesse mudado, vemos os agentes felizes por tudo aquilo ter acabado, mas tristes pelo sacrifício de Wanda, vemos que Ágatha Harkness sobreviveu ao desastre, deixando em aberto que os heróis do MCU ganharam mais uma aliada para enfrentar as ameaças místicas, mas antes que o fim chegue, vemos uma tela completamente negra, com pequenos resquícios do cosmos, uma realidade completamente isolada sem ninguém, até que, no cenário… vemos a Feiticeira Escarlate flutuando de forma solitária e melancólica nesse universo, mostrando que ela aprendeu com a explicação de Ágatha sobre os diferentes planos, se isolando em um mundo sem ninguém para machucar, um mundo solitário, pincelado com tristeza, tudo para impedir de transformar suas visões terríveis em realidade.

Consequências para o futuro do MCU

Essa história poderia afetar o MCU de várias formas, já sabemos que Wanda estará presente em Doutor Estranho: Multiverso da Loucura, o filme poderia se iniciar com Doutor Estranho vasculhando diferentes universos em busca do causador da anomalia e encontrando Wanda isolada, ele poderia resgata-la e tentar ensinar a ela sobre seus poderes e como controlá-los. Como nessa versão Magneto seria o pai de Wanda e de Pietro, ele poderia descobrir sobre a existência seus filhos (talvez Wanda no descontrole de seus poderes pudesse ter enviando por acidente algum sinal mental até seu pai) e sobre a existência da profecia da Feiticeira Escarlate, Magneto gostaria de ter Wanda ao seu lado, afinal ela é sua filha, mas com o conhecimento da profecia Magneto poderia interpreta-la de outra forma, para ele Wanda traria o fim do mundo, mas o fim do mundo dos humanos, com o fim dessa espécie, ela daria o início ao mundo dos mutantes, isso poderia trazer tramas interessantes para o MCU e tornar mais complexa ambiguidade da personagem Feiticeira Escarlate.