Black Mirror: Bandersnatch | Netflix é processada por infringir marca registrada

A Chooseco, uma editora de livros infantis sediada no estado de Vermont, nos EUA, processou a Netflix por infração de marca registrada devido ao uso da frase “Choose your...

A Chooseco, uma editora de livros infantis sediada no estado de Vermont, nos EUA, processou a Netflix por infração de marca registrada devido ao uso da frase “Choose your own adventure” (“Escolha a sua própria aventura”, em tradução livre), pedindo indenização de pelo menos US$ 25 milhões.

Em um processo protocolado no tribunal distrital federal, a Chooseco diz que vendeu mais de 265 milhões de cópias de seus populares livros da série Choose Your Own Adventure, onde as decisões do leitor influenciam o enredo e o resultado da narrativa. A empresa usa a nostalgia infantil para comercializar seus livros entre consumidores que estão agora com seus 20 ou 30 anos.

A Chooseco diz que a Netflix infringiu sua marca registrada com seu filme interativo Black Mirror: Bandersnatch, cujo protagonista, um jovem programador chamado Stefan, trabalha para criar um jogo de computador inspirado por um romance ao estilo “escolha a sua própria aventura” dado a ele quando criança.

A editora diz que registrou o uso da frase para filmes, livros e outras formas de mídia. Inclusive, a 20th Century Fox atualmente tem os direitos para o desenvolvimento de um filme baseado nos livros Choose Your Own Adventure.

O estúdio anunciou ano passado que havia licenciado a tecnologia CtrlMovie, da Kino Industries, para um filme baseado nos livros Choose Your Own Adventure. A tecnologia permitirá que o público no cinema controle a ação dos personagens ao longo do filme, usando um aplicativo desenvolvido e criado pela Kino.

A Netflix também entrou em negociações com a Chooseco em 2016 para licenciar a frase relacionada a filmes e desenhos animados interativos, de acordo com o processo aberto na semana passada. O serviço de streaming atualmente não possui uma licença.

“A Netflix intencionalmente usou a famosa marca da Chooseco para se beneficiar das associações positivas e da nostalgia que a marca desperta entre os adultos que liam a série quando jovens”, alega a empresa no processo.

A Chooseco também diz que o uso da palavra “Bandersnatch” está criando confusão para o consumidor e prejudicando a sua marca, levando a empresa a dar entrada a um processo civil.

Fonte: Deadline

Categorias
Filmes | NotíciasNetflixNotícias
Sem Comentários

Deixe uma Resposta

*

*

RELACIONADOS