Review: The Last of Us Parte 2 | Prepare sua garganta para ela ser trancada, seus dentes para serem rangidos, teus olhos para lacrimejarem e a vitalidade mental para ser levada à exaustão

“Atente-se, você será facilmente fisgado para o mundo de Ellie e Joel

Logo na contra mão das famosas empresas do ramo, já é de suma importância saber que não é apenas um jogo de vídeo game, é uma obra de arte, The Last Of Us Parte II é feito sobre medida e com maestria, contando uma história digna de cinema com uma experiência recheada de tudo que nós seres humanos seriamos capazes de fazer em um mundo pós-apocalíptico através de mais uma jornada da Ellie e do Joel.

O UNIVERSO DE THE LAST OF US Parte II

Mais de 25 anos pós-surto podemos ver o mundo já tomado pela natureza e pelo vírus Cordyceps, o universo está mais vasto e expande com mais grupos ou podemos se dizer, duas facções em guerra: uma milícia Frente de Libertação de Washington chamada WLF e o uma ceita religiosa conhecida como Serafitas e falar mais sobre isso pode fazer com que eu estrague à experiência pessoal de cada um ao jogar, mas, ambas adicionam uma trama muito interessante e palpável universo perigoso dos terriveis estaladores, corredores e alguns movos infectados como os BAIACUS que se moldam muito bem aos ambientes urbanos com infectados à nos rodear.

Os Gráficos

Sem dúvidas alguma é o mais bonito, bem feito e apesar de linear tem um mundo muito bem explorável, 2 horas ou 3 horas totais analisando os cenários será pouco, cada parque, o brilhar de sol entre as árvores, a lua em meio as nuvens tendo seu reflexo na água é lindo.Chegar em Seattle e poder também visitar outras localidades também é muito mais exuberante do que no primeiro the last of us, aqui há muito mais coisas para se ver e, consequentemente, muito mais chances de deixar suprimentos pra trás se estiver emocionalmente abalado.

 

A violência gráfica ultrapassou o que vimos no primeiro capítulo da saga, o nível de detalhes de corpos tanto de humanos quanto dos infectados é surreal, o sangue escorrendo nas roupas, ruas e etc.radas e blocos de neve são muito bem feitos e até nisso você vai passar minutos prestando atenção.

 

Jogabilidade

Tudo que já era bom no primeiro jogo foi aprimorado e novas mecânicas foram disponibilizadas: pulos, esquivas e o agachamento em meio as vegetações em modo furtivo. Há um vasto tipo de combate a ser executado de diferentes formas e por diferentes tipos de jogadores, se proteger com o corpo de um inimigo será de certa forma algo a se pensar já que será primordial um modo mais furtivo para se enfrentar os diferentes grupos presentes no decorrer da história, já que cada um deles se defendem de maneiras distintas e até menos misericordiosas. Na jornada Poderemos espanca-los, golpea-los e atingilos com armas de fogo e armas brancas, contando com a cereja do bolo, a raiva, que pode ser sentida na face dos personagens, sendo combinada à sangue frio.

 

HISTÓRIA

The last of us Parte 2 em sua expansiva jornada demonstra à todos que o poder de uma narrativa não se exclusiva apenas à obras televisivas e cinematográficas, a Naught Dog eleva seu excelente trabalho de anos à outro patamar, deixando Uncharted 4 e the last of us para trás.

O time da produtora soube realmente como prender, cativar e emocionar, fazendo valer cada passo pelos cenários ser vastamente explorado com sentimento misto de alegria por estar jogando uma obra de arte e uma tristeza evasiva e fria sendo sentida pelos protagonista Ellie, Joel e seus companheiros de jornada.

O ódio e o poder da vingança, a violência e a imparcialidade demonstrada através de nossas mãos, isso segurando apenas um controle e nossos olhos sendo enxarcados de sublimidade às cutscenes, será guardado para sempre, tenha certeza, é incrível como um jogo de vídeo game consegue arrancar tanta coisa em uma jogatina de mais de 20 horas e ainda não se tornar cansativo.

Neil Druckman e Halley Gross escreveram esse roteiro com a mais generosa graça concedida à ambos pela fertilidade mental, digo isso porquê the last of us PtII veio para alcançar o topo de melhor história/enredo já feito para um jogo de vídeo game na historia, ESPETACULAR é pouco a se dizer à essa produção feita pelo time da Naught Dog. Prepare sua garganta para ela ser trancada, seus dentes para serem rangidos, teus olhos para lacrimejarem e a vitalidade mental para ser levada à exaustão.

Lennon Rezende

Lennon Rezende

Músico, cinéfilo e viciado em vídeo games!

Continue conosco!