Na semana da San Diego Comic Con, o site Hollywood Reporter publicou uma pesquisa feita em parceira com a Morning Poll para conhecer mais o fandom da cultura pop atual. Foram entrevistadas cerca de 2.200 pessoas por todo os EUA e para a surpresa de quase ninguém, 63% dos entrevistados disseram que se consideram fãs da Marvel. Em segundo lugar, vem Star Wars com 60% e em terceiro a DC Comics, com 59%.

Star Trek teve 49% dos entrevistados se declarando fãs da franquia, em seguida veio Senhor dos Anéis (48%), The Walking Dead (37%) e Doctor Who (24%). Surpreendentemente, 24% dos entrevistados se declararam fãs de Game of Thrones, ficando um pouco abaixo da série britânica.

 

Intersecção entre os fandoms da cultura pop
93% dos fãs da DC provavelmente também são fãs da Marvel. Fãs de Star Trek são prováveis fãs de Star Wars (88%). Fonte: Hollywood Reporter.

 

Segundo o site, o domínio da Marvel é enfatizado pelo fato de ter sido indicado pela pesquisa como o fandom com mais chances de ser compartilhado entre os fãs de outras propriedades intelectuais. Para se ter uma ideia, o termo “cultura pop” teve menos fãs declarados do que o estúdio comandado por Kevin Feige.

Ao contrário do que muitos fanboys pensam, DC e Marvel não estão em lados opostos disputando público. As duas contam histórias de super-heróis e, por isso, a audiência de ambas é essencialmente composta pelo mesmo público, conforme o gráfico acima mostra.

De uma maneira geral, a pesquisa também mostrou que o fandom: 1) abraçam os filmes de super-herói (62% se consideram fãs), 2) 58% deles se declararam aficionados por filmes baseados em quadrinhos, 3) mas, a maioria não gosta de ler gibis (apenas 37% dos entrevistados confessaram serem fãs de revistas).

Você é um fã de filmes baseados em quadrinhos?
Fonte: Hollywood Reporter.
Você é um fã de quadrinhos?
Fonte: Hollywood Reporter.

 

Pouquíssimos fãs são imersos na cultura do cosplay, apenas 13% deles disseram já ter se fantasiado como um personagem favorito de um filme, livro, seriado, quadrinhos ou jogos eletrônicos.

Quem quiser ter acesso à pesquisa na íntegra, pode acessar o relatório de 14 páginas, em inglês, clicando aqui.

Fonte: Hollywood Reporter.