Brie Larson vê ‘Capitã Marvel’ como forma de ativismo

Atriz planeja usar a fama para fazer o bem

Apesar de ganhar o Oscar em 2016 pelo excelente O Quarto de Jack, Brie Larson está prestes a entrar numa nova fase da carreira com o lançamento mundial de Capitã Marvel, programado para o mês que vem. A atriz planeja usar sua nova fama para o bem.

Larson disse em uma entrevista a InStyle que “O filme foi a maior e melhor oportunidade que eu poderia ter pedido“, e, esquecendo que ganhou milhões pelo papel, acrescentou: “Foi, assim, meu superpoder. Essa pode ser minha forma de ativismo: fazer um filme que possa ser exibido em todo o mundo e, assim, estar em mais lugares do que posso estar fisicamente”.

E o que, exatamente, Larson quer dizer quando fala que o filme pode ser visto como uma forma de ativismo? A vencedora do Oscar diz que retratar uma super-heroína forte, independente e extremamente poderosa, que por acaso é uma mulher, não apenas inspirará os outros, mas também dará a ela os meios para usar sua fama para o bem.

Em primeiro lugar, ela quer criar um canal de ajuda para que minorias possam aprender e exercer os vários papéis na produção de um filme. “Meu próximo objetivo é começar uma escola para treinar pessoas em vários trabalhos [no set]”, diz ela. “Existem tantos trabalhos bons. Você gosta de alienígenas estranhos e explosivos? Você pode ser a pessoa que os faz. Precisamos que os jovens continuem essa tradição no cinema, e seria tão bom se tivéssemos mais diversidade no meio disso”.

A atriz afirma que o que mais a animou em interpretar Capitã Marvel foi o que sentiu ao assistir Indiana Jones:

Eu lembro de ter perdido a cabeça“, diz ela sobre assistir Indiana Jones. “Não consegui pensar em um equivalente feminino. Já existia a Sigourney Weaver em ‘Alien’, é claro, mas não havia o suficiente desse espectro de confiança, insolência e um pouco de desordem, apenas uma mistura de tudo. As mulheres não podiam fazer isso.

Carol Danvers/Capitã Marvel acabou servindo de inspiração também para a sua intérprete Brie Larson: “Eu quero manter a arrogância e esse senso de propriedade“, diz ela. “Porque eu acredito em minhas habilidades e me valorizo, e sei que sou forte e sei que posso fazer muitas coisas que as pessoas não acham que eu possa fazer“.

Capitã Marvel estreia dia 08 de março no Brasil

Fonte: The Playlist

 

Categorias
Filmes | NotíciasNotícias
Sem Comentários

Deixe uma Resposta

*

*

RELACIONADOS