Review | Pokémon: Eu Escolho Você!

Comemorativo, inovador e nostálgico. Mais um filme de Pokémon é lançado aos cinemas, trazendo o começo da jornada de Ash da melhor forma possível! Quem participou da febre de...

Comemorativo, inovador e nostálgico. Mais um filme de Pokémon é lançado aos cinemas, trazendo o começo da jornada de Ash da melhor forma possível!

Quem participou da febre de Pokémon, lá para começo dos anos 2000, certamente ficou muito empolgado para essa nova fase do anime. O anúncio de mais um longa, que será exibido nos cinemas nacionais, pela OLM e pela Pikachu Project, como de costume, deixou os fans ainda mais ansiosos pelo novo capítulo da franquia.

De forma comemorativa aos seus 20 anos de exibição, os produtores trouxeram o início da aventura de Ash, na cidade de Pallet.
Dessa vez, de uma maneira bem nostálgica, para todos aqueles que assistiram essa mesma história na sua infância, e bem inovadora de modo a atingir o mais novo público infantil, o que deu muito certo. A forma que esse filme foi criado explorou novos pontos de vista do personagem principal, novos personagens apresentados em postos dos quais fazem parte da série, uma atenção maior aos lendários, que não foi aproveitado bem no desenho, sem ao menos tornar maçante ou estragar a essência passada a 20 anos atrás.

Como sempre, podemos observar uma excelente animação e efeitos durantes as batalhas, que se tornam muito mais intensas quando utilizadaes afim de tornar aquilo tudo o mais satisfatório possível, em termos visuais. A dublagem, mesmo com outra equipe, não prejudica de maneira nenhuma o longa, muito pelo o contrário. Agrega ainda mais a grande experiência obtida pelo filme.

No fim, toda aquela fase inicial do protagonista, junto do seu Pikachu, em busca de ser um mestre Pokémon, de ganhar as insígnias, do encontro e a evolução do Charmander, a despedida de seu Butterfree e os ataques dos Spearow vão ser retratadas. Assim como o aparecimento do lendário Ho-oh, portanto dessa vez dando um objetivo a Ash de encontra-lo por meio de uma pena sua. Com isso, Pokémon, o filme: Eu Escolho Você! foi capaz de trazer uma nova aventura dentro da qual todos os fans amam.

Fora tudo o que já conhecemos da história, a sensação obtida, é de que esse filme mostra um lado bem sentimental por parte de todos os personagens, desde frustrações com percas em batalhas, como familiares e toda a passagem de amizade e amor com os animais e a própria natureza, pontos fortes que dão um sentido humano a toda ficção assistida.

Por análise geral, tirando a fala do Pikachu (sim, ele disse uma frase), foi muito satisfatório ver mais uma produção dessa famosa história nos cinemas brasileiros, o que demonstra a grandiosidade e importância que Pokémon tem em nosso país. A todos que sabem a letra inteira da primeira abertura, fiquem tranquilos que ela estará presente e é liberado cantar junto (como foi o caso de todo o público em minha sala de cinema). Para os fanáticos pelos Monstrinhos de Bolso, fica a opção de rever toda a história pelos episódios e também de capturar todos eles pelo Pokémon Go enquanto a nova temporada não é lançada.

O filme contem 1h e 30min de duração, e foi exibido nos dias 5 e 6 desse mês de Novembro como sessões nas salas do Cinépolis e Cinemark como sessões especiais, sendo distribuído uma carta de mesa do Pikachu do Ash e um Codigo QR para desbloquear um item no mais novo jogo Ultra Sun & Ultra Moon, para 3DS.

Categorias
Animes | CriticasCriticasPokémon

RELACIONADOS