Review: Dragon Ball FighterZ | Um ótimo jogo de luta que traz a verdadeira essência do anime

O mais novo jogo da saga Dragon Ball traz um novo estilo, que traz um novo olhar para a franquia de jogos...

Título: Dragon Ball FighterZ
Desenvolvedora: Arc System Works
Distribuidora: Bandai Namco
Plataformas: PC, PS4, Xbox One

Gênero: Luta

 

Lançado em 26/01/2018, Dragon Ball FighterZ é simplesmente um sucesso estrondoso mesmo, uma historia original onde os guerreiros Z por algum motivo estão caindo sem consciência, memoria e motivo algum enquanto a Android 18 some e vários androides passam a voltar a vida, e com comentários realmente positivos como:

GameSpot – 9/10:

“FighterZ é complexo e distinto o suficiente para ser apreciado pelos concorrentes dos jogos de luta. Mas não há dúvida de que foi projetado para tocar os corações dos fãs mais dedicados. FighterZ engarrafou a essência dos personagens, a animação e o senso de humor da série tão amados e reconfiguraram em algo novo: um jogo de luta que pode ir de um lado para o outro com o melhor do gênero “

EGM – 9/10:

“Embora tenha havido muitos jogos de luta baseados na franquia, FighterZ marca uma abordagem moderna através de ação rápida. De seus visuais de tirar o fôlego para facilitar o domínio da jogabilidade, o novo jogo é um bom passo para expandir a base de fãs do gênero. No entanto, pode não satisfazer os jogadores que procuram complexidade “

IGN – 8,5/10:

“Entre os combos automáticos acessíveis, os ataques de homing e as entradas de comando simplificadas, FighterZ é um portal convidativo para os recém-chegados. Seja você um fã de Dragon Ball ou não. FighterZ tem profundidade e complexidade suficientes para brilhar tanto quanto um Super Saiyan “

EuroGamer – Revisão em andamento.

“FighterZ, é o jogo de luta para todos. Acelerado, e com a ação de três contra três, a tela pode ficar bastante ocupada às vezes. O esforço da Arc System para fazer o combate acessível significa que qualquer pessoa pode pegar seu personagem favorito e levá-lo a fazer combos emocionantes. Alguns minutos ​​no modo de treinamento e você vai encontrar-se fazendo combos que se aproximam da marca de 100. – apenas a partir de alguns comandos básicos de entrada.

Game Informer – Revisão em andamento:

“Quanto mais eu mergulho no modo de treinamento, mais eu aprendo sobre o FighterZ. Apesar do esquema de controle simples, há muitas maneiras de abordar seu oponente, e nunca me senti completamente desamparado. Novatos ainda precisarão fazer alguma aprendizagem, mas os fundamentos são simples o suficiente para que não seja muita tarefa “

 

Agora vamos a nossa análise

Com visual que lembra Guilty Gear Xrd Rev 2 e comandos realmente fáceis de serem dominados lembrando Injustice 2  Marvel VS Capcom: Infinite, qualquer pessoa sem a minima instrução em jogos de lutas pode aprender rapidamente. O jogo possui combos fáceis de dominar, além dos especiais e finalizações, que irão deixar os fãs do anime muito felizes.

O jogo em sim possui gráficos que são um tanto quanto ‘estilizados’, pois se assemelham muito ao anime e o mangá de Dragon Ball, e acaba impressionando devido a semelhança que o jogo possui.

O modo história do jogo pode acabar se tornando algo em segundo plano, pois o enredo da história se divide em missões que com o passar do tempo se tornam cansativas e devido a certa facilidade, pode acabar perdendo o entusiasmos de terminar. Entretanto a história original feita pelo jogo é interessante, trazendo um novo personagem a saga, e velhos personagens que também fazem suas pequenas aparições. Os diálogos do jogo são excelentes, pois trazem diversas referências que aquece o coração dos fãs.

O sistemas online do jogo precisa melhorar ainda, mas tem grande potencial futuro. O sistema de liberação de habilidades, personagens e etc…mesmo parecendo um pouco difícil de lidar, você é capaz de aprender rapidamente como funciona.

[rwp_box id=”0″]

Categorias
Bandai NamcoCriticasDragon BallDragon Ball Fighter ZDragon Ball SuperDragon Ball ZGames | CriticasGokuPCPlayStationPs4VegetaXboxXbox One X
Sem Comentários

Deixe uma Resposta

*

*

RELACIONADOS